Editais

Seleção simplificada SES-PE

Muito provavelmente você conhece a SES-PE, certo? É uma das provas mais concorridas do Nordeste e temos uma coisa para te contar: nós a conhecemos muito bem! 

Hoje queremos te passar um pouco desse conhecimento, então te pergunto: está pronto para conhecer a banca da sua vida? 

A Secretaria Estadual de Saúde de Pernambuco (SES-PE) é famosa pelos seus concursos. Todo ano ela realiza a seleção simplificada de residência médica, aplicada pelo IAUPE (Instituto de Apoio à Universidade de Pernambuco). Em uma rápida análise sobre os três últimos anos, podemos perceber que a quantidade de vagas ofertadas só fez aumentar, dando mais oportunidades para quem faz o concurso. No último ano, foram 870 vagas para os grupos de acesso direto e para os que exigem algum tipo de pré-requisito.

Pernambuco é considerado um dos primeiros estados a empregar Programas de Residência Médica, sendo considerado o principal centro de residência no Norte-Nordeste e um dos principais do país. A partir do concurso realizado em 2020, a avaliação passou a contar também com a análise curricular, de caráter classificatório com peso 10%. Além disso, os outros 90% equivalem a prova escrita de caráter eliminatório e classificatório. Para os aprovados, o salário é de 3.330 reais.

Prova escrita

Quem faz a SES-PE, costuma passar o ano inteiro se preparando para esse momento, mas já adiantamos que não é nenhum bicho de sete cabeças.

São dois tipos de prova: a primeira é voltada para Acesso Direto, composta por 100 questões objetivas de múltipla escolha, com 5 alternativas cada. Já o segundo tipo é voltado para as especialidades com pré-requisitos, nesse caso, são 50 questões objetivas que exigem conhecimento sobre a especialidade escolhida.

A pontuação é estabelecida dentro de uma escala de 0 a 100 pontos. Desse modo, serão reprovados automaticamente os candidatos que obtiverem pontuação inferior a 50% da média aritmética das dez maiores notas obtidas na prova escrita de seu respectivo grupo.

Foto: portal.saude.pe.gov.br

Especialidades

As áreas são muitas, mas sempre têm as mais concorridas. E claro, nós não poderíamos deixar de mencioná-las, então aqui estão: anestesiologia, dermatologia, neurocirurgia, oftalmologia, otorrinolaringologia e psiquiatria. Lembrando que, algumas especialidades são retiradas ou acrescentadas a cada concurso, de acordo com a disponibilidade de vagas. Sendo assim, algumas outras especialidades oferecidas pela SES-PE são:

  • Acupuntura;
  • Cirurgia Geral;
  • Cirurgia Cardiovascular;
  • Clínica Médica;
  • Programa de Pré Requisito em Área Cirúrgica Básica;
  • Infectologia;
  • Medicina de Família e Comunidade;
  • Neurologia;
  • Obstetrícia/ Ginecologia;
  • Ortopedia/ Traumatologia;
  • Pediatria;
  • Radiologia e Diagnóstico por Imagem;
  • Radioterapia;
  • Patologia;
  • Medicina Nuclear;
  • Alergia e Imunologia;
  • Oncologia Clínica;
  • Cardiologia;
  • Endocrinologia e Metabologia;
  • Gastroenterologia;
  • Geriatria;
  • Hematologia Hemoterapia;
  • Nefrologia; 
  • Pneumologia;
  • Reumatologia;
  • Oncologia Cirúrgica;
  • Cirurgia do Aparelho Digestivo;
  • Cirurgia Pediátrica;
  • Cirurgia Plástica;
  • Cirurgia Torácica;
  • Coloproctologia;
  • Cirurgia Vascular;
  • Urologia;
  • Alergia e Imunologia Pediátrica;
  • Cardiologia Pediátrica;
  • Gastroenterologia Pediátrica;
  • Infectologia Pediátrica;
  • Hematologia e Hemoterapia Pediátrica;
  • Medicina Intensiva Pediátrica;
  • Nefrologia Pediátrica;
  • Neonatologia;
  • Pneumologia Pediátrica;
  • Cirurgia da Mão;
  • Mastologia;
  • Endoscopia Digestiva;
  • Medicina Intensiva;
  • Hemodinâmica e Cardiologia Intervencionista;
  • Ecocardiografia;
  • Eletrofisiologia Clínica Invasiva;
  • Cardiointensivismo; 
  • Cirurgia Torácica- R3;
  • Transplante de Fígado- R3;
  • Transplante de Medula Óssea;
  • Transplante de Rim;
  • Endoscopia Ginecológica;
  • Medicina Fetal;
  • Ultrassonografia em Ginecologia e Obstetrícia; 
  • Endoscopia Respiratória;
  • Anestesiologia Pediátrica;
  • Neurologia Pediátrica;
  • Hepatologia;
  • Medicina Paliativa- R3;
  • Angiorradiologia e Cirurgia Endovascular;
  • Hansenologia- R4;
  • Neurorradiologia- R6;
  • Radiologia Intervencionista e Angiorradiologia;
  • Medicina do Sono;
  • Cirurgia de Cabeça e Pescoço;
  • Psiquiatria Infantil;
  • Endocrinologia Pediátrica;
  • Oncologia Pediátrica;
  • Ecografia Vascular com Doppler; e
  • Cirurgia Bariátrica.

Lista de hospitais que oferecem as vagas de residência médica

  • Faculdade de Ciências Médicas de Pernambuco – UPE;
  • Faculdade de Medicina de Olinda;
  • Faculdade Tiradentes – FITS;
  • Fundação Altino Ventura;
  • Fundação de Hematologia e Hemoterapia do Estado de Pernambuco – Hemope;
  • Fundação Professor Martiniano Fernandes;
  • Hospital Agamenon Magalhães;
  • Hospital Barão de Lucena;
  • Hospital da Restauração;
  • Hospital das Clínicas da UFPE;
  • Hospital Correia Picanço;
  • Hospital de Olhos Santa Luzia;
  • Hospital do Câncer de Pernambuco;
  • Hospital Dom Helder Câmara;
  • Hospital dos Servidores do Estado;
  • Hospital Esperança;
  • Hospital Geral Otávio de Freitas;
  • Hospital Getúlio Vargas;
  • Hospital Maria Lucinda;
  • Hospital Memorial Jaboatão;
  • Hospital Mestre Vitalino – Caruaru;
  • Hospital Miguel Arraes;
  • Hospital Pelópidas Silveira;
  • Hospital Santa Joana;
  • Hospital Santa Luzia;
  • Hospital Ulysses Pernambucano;
  • Hospital Unimed Recife III;
  • Instituto de Medicina Integral Professor Fernando Figueira – IMIP;
  • Instituto de Olhos de Recife;
  • Instituto do Coração de Pernambuco – INCOR;
  • Prefeitura da Cidade do Recife – Fundo Municipal de Saúde;
  • Prefeitura do Jaboatão dos Guararapes – Fundo Municipal de Saúde;
  • Real Hospital Português de Beneficência em PE;
  • Santa Casa de Misericórdia de Recife;
  • Serviço Oftalmológico de Pernambuco – SEOPE; e
  • Universidade Federal de Pernambuco – Caruaru.

Análise curricular

Deixa a gente te dizer mais, as atividades realizadas durante a faculdade são importantíssimas, sendo o diferencial para a sua aprovação. Elas equivalem a 10% da nota total e têm um caráter classificatório. A pontuação também é estabelecida dentro da escala de 0 a 100 pontos. Sendo assim, fica atento aqui para saber quais são essas atividades e as suas respectivas pontuações:

  • Histórico escolar, com pontuações próprias descritas no edital;
  • Monitoria: 5 pontos por semestre, chegando no máximo a 15 pontos;
  • Iniciação científica – pibic, pic: 5 pontos por projeto, máximo de 15 pontos
  • Projetos de extensão e ou pet saúde: 5 pontos por semestre, máximo de 20 pontos;;
  • Artigos publicados: 5 pontos por artigo, máximo de 10 pontos;
  • Trabalhos apresentados em eventos científicos: 2,5 pontos por cada trabalho, no máximo 10 pontos.

Diante disso, você enquanto candidato só pode ser classificado para a especialidade que está na sua lista, mesmo que a sua nota seja suficiente para entrar numa instituição de saúde. Portanto, a classificação, por área de especialização, será feita conforme a ordem decrescente de sua nota final. Por fim, em caso de empate, o desempate se dará, primeiramente, da maior nota da avaliação curricular e, posteriormente, será observado o candidato de maior idade.