Editais

Processo Seletivo para Residência Médica da UFPB

Hoje falaremos sobre mais um processo seletivo nordestino para a residência médica. Afinal, o Nordeste é o nosso país, então temos que exaltar tudo de bom que ele nos proporciona.

Vamos lá!?

O processo seletivo para a residência da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) é realizado pelo Centro de Ciências Médicas, Campus I da UFPB situado na cidade de João Pessoa. Por isso, as provas são realizadas nesse campus e nessa cidade.

Preste bem atenção já no ato da inscrição, pois, além da escolha da especialidade, você também precisa enviar o seu histórico escolar, disponibilizado pela sua Faculdade. Nele, precisa constar o Coeficiente de Rendimento Escolar (CRE), o que corresponde a sua média geral do curso.

Diante disso, esse histórico é imprescindível, por equivaler a 10% da nota geral. Caso o envio não seja feito, independente do motivo, você terá esse percentual da nota zerado. Ademais, só é possível escolher apenas uma especialidade dentre as 17 disponíveis. Também é preciso ficar atento na hora de estudar, já que as referências bibliográficas estão listadas no edital da seleção.

O treinamento em serviço da residência é feito, sobretudo, no Hospital Universitário Lauro Wanderley (HULW), da Universidade Federal da Paraíba. Mas não só nele. Por isso, a Universidade tem convênio com outras unidades de saúde, como:

  • Centro de Práticas Integrativas e o Instituto Cândida Vargas;
  • Centros de Atenção Integral à Saúde;
  • Complexo de Doenças Infecto Contagiosas Clementino Fraga;
  • Complexo de Pediatria Hospital Arlinda Marques;
  • Complexo Hospitalar Governador Tarcísio de Miranda Burity(Ortotrauma de Mangabeira); 
  • Hospital Estadual de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena;
  • Hospital General Edson Ramalho;
  • Hospital Santa Isabel;
  • Unidades Básicas de Saúde e os Centros de Atenção Psicossocial.

Vale salientar que no processo seletivo 2019, também foram oferecidas vagas de residência (Cancerologia Cirúrgica, patologia, radioterapia e cancerologia clínica) para o Hospital Napoleão Laureano. O que não pode ser observado na seleção de 2021.

A UFPB oferece vários Programas de Residência, na modalidade acesso direto e pré-requisitos. Assim, as áreas oferecidas pelo acesso direto são:

  • Anestesiologia;
  • Cirurgia Geral;
  • Clínica Médica;
  • Dermatologia;
  • Infectologia;
  • Medicina de Família e Comunidade;
  • Obstetrícia e Ginecologia;
  • Oftalmologia;
  • Pediatria;
  • Pré-requisito em Área Cirúrgica Básica;
  • Psiquiatria.

Já algumas outras especialidades exigem como pré-requisitos ter cursado alguma residência. São elas:

  • Endocrinologia e Metabologia (exigência de residência anterior em clínica médica);
  • Gastroenterologia (exigência de residência anterior em clínica médica);
  • Mastologia (Residência anterior em obstetrícia e Ginecologia ou Cirurgia Geral);
  • Medicina Intensiva (Residência anterior em Clínica Médica, Cirurgia Geral, Anestesiologia, Infectologia ou Neurologia);
  • Reumatologia (exigência de residência anterior em clínica médica).

As provas do acesso direto são diferentes, em alguns aspectos, da prova que exige algum pré-requisito específico. Fica ligadinho aqui que vamos te contar tudo!

De maneira geral, elas têm uma duração total de 3 horas e são de caráter eliminatório. Além disso, as provas equivalem aos outros 90% da nota final. Ah! E deixa a gente te dizer, você só será classificado se a sua nota for 50% maior ou igual a nota geral do programa escolhido.

Falando especificamente da prova do programa de acesso direto, ela exige um conhecimento geral em medicina. Desse modo, possui 50 questões de múltipla escolha (5 alternativas), cada uma tem peso de 1.8. Elas são divididas por 5 áreas: Obstetrícia e Ginecologia, Cirurgia Geral, Medicina de Família e Comunidade, Clínica Médica e Pediatria. Sendo 10 questões por área.

A prova dos programas com pré-requisitos é específica, ou seja, os assuntos são relativos àquela especialidade escolhida. Ao contrário da prova de acesso direto, aqui são 30 questões para cada um dos pré-requisitos (anestesiologia, clínica médica, infectologia, obstetrícia e ginecologia, cirurgia geral e neurologia). Cada uma das questões tem peso 3, sendo também de múltipla escolha, com 5 alternativas.

Por fim, o processo seletivo da UFPB estabelece uma lista de critérios de desempate, que estão dispostos abaixo na sua respectiva ordem:

  • 1º - Maior Nota Final;
  • 2º - Maior Nota da Prova de Conhecimentos Gerais (para as opções com acesso direto) ou maior nota na Prova Específica (para as opções com pré-requisito);
  • 3º - Maior pontuação do CRE ou equivalente;
  • 4º - Candidato mais idoso;
  • 5º - Egresso da UFPB;
  • 6º - Os casos omissos serão resolvidos pela Comissão de Seleção e/ou pela Banca Examinadora de cada programa da Residência Médica da UFPB.

Bons estudos!