Mentalidade

Aprenda a focar no essencial para a prova de Residência Médica

Publicado em
31
/
08/2021

Chegamos à época do ano na qual a maioria dos alunos começa a se perguntar:

Ainda dá tempo de estudar para a prova de residência?

E tenho certeza que mesmo quem já se formou nos anos anteriores deve ter feito essa pergunta a si mesmo várias vezes…

É natural que a insegurança bata, sobretudo naqueles que já vinham estudando e desenvolvendo sua preparação. Porém é muito importante pensar estrategicamente e focar o estudo nos assuntos que são mais cobrados nas provas - a melhor maneira de assegurar que as questões necessárias para a aprovação serão resolvidas.   

Hoje trarei uma forma diferente de iniciar o estudo, que fará muita diferença na preparação de quem está iniciando agora ou está perdido devido aos atrasos

Faça prova anteriores

A lógica é simples, mas irá fazer muita diferença na sua preparação. Aproveite que o curso que você comprou já liberou todas ou quase todas as aulas e foque nos assuntos que mais caem na sua prova.

Tenho certeza de que neste momento você está se perguntando “como saber quais assuntos são esses?” - mas fique tranquilo: você descobrirá fazendo as provas anteriores. 

Isso mesmo: dê a partida fazendo uma prova anterior, observando quais assuntos foram cobrados, e dentre estes, atente aos que você não domina ou não lembra.

Depois de corrigir a prova faça uma lista com esses conteúdos e estude todos eles.

Dê preferência aos resumos

Não precisa assistir às aulas ou ler a apostila de todos, caso você já tenha resumos prontos, utilizá-los pode ser uma ótima maneira de ganhar tempo: 

Sempre dê preferência ao material mais resumido e só retorne ao mais completo caso não consiga relembrar tudo ou não tenha estudado o assunto ainda.

Leia mais:

Resolva ainda mais questões de provas anteriores e confira as respostas

Assim que terminar o estudo dos assuntos que você percebeu que tem dificuldade, siga para a próxima prova dos anos anteriores. Você irá notar algumas coisas importantes que ajudarão bastante na sua evolução nos estudos:

  • Primeiro, vários temas se repetem ao longo dos anos. E isso é muito bom, porque mesmo errando inicialmente, nas próximas provas você já será capaz de acertar, por isso é importante estudar os temas que errou.
  • Segundo, muitas vezes erramos questões por dificuldade na interpretação dos enunciados ou pegadinhas, mas esses erros vão sendo minimizados quando você vai conhecendo melhor a banca através das provas anteriores.
  • Terceiro, muitas pessoas têm dificuldade de controlar o tempo de prova, então o treino vai ajudar a organizar melhor.

E por último, essa dinâmica de fazer e corrigir as provas de forma seguida vai dando motivação ao aluno, pois ele percebe na prática a melhoria dos resultados.

Essa estratégia é muito boa para os alunos que estão desorganizados e desmotivados, pois os resultados mais rápidos ajudam na motivação e fixação do ritmo de estudo e depois fica mais fácil seguir com os estudos!

Quando você perceber que os temas que mais caem já foram em sua maioria vistos, siga para os outros assuntos do curso, pois nunca sabemos as surpresas que nos esperam na prova. Mas desta maneira tenho certeza que você conseguirá fazer grande diferença no seu resultado!

Só não esqueça que são muitos assuntos sendo vistos de forma rápida, e que é comum o aluno esquecer ou confundir conceitos, então para garantir o acerto, crie um ciclo de revisão com os assuntos que for estudando para não esquecer os detalhes.

Geralmente, fazer os últimos 5 anos de prova é suficiente para conhecer a banca, mas caso você tenha muito tempo, pode partir para os últimos 10. Só cuidado com conteúdos desatualizados (o ideal é ver a correção atualizada da prova).

Agora você já está pronto para dar o pontapé rumo à aprovação!

Forte abraço,

Diana Sette | Mentora EMR